“Help: The Game” arrecada fundos para crianças em zonas de conflito

Coletânea de jogos para PC foi desenvolvida por onze estúdios e terá toda a renda revertida para a instituição beneficente War Child e será lançado em 26 de julho

Não é de hoje que existem esquemas de arrecadação de dinheiro para fins sociais no mundo virtual. Um dos mais conhecidos pelos gamers é o Humble Bundle, que normalmente doa parte da arrecadação para a caridade. Além disso, marcas que revertem para campanhas como a Apple com a linha Red, entre outros. Nessa pegada, a instituição beneficente War Child, que conta com o apoio mundial de membros da indústria de jogos eletrônicos, anunciou para o dia 26 de julho a campanha “Help: The Game”.

O projeto “Help: The Game” foi anunciado inicialmente em setembro de 2015 conta com o apoio de 11 estúdios de desenvolvimento de jogos (Bossa Studios, Creative Assembly, Curve Digital, Hardlight, Modern Dream, Rovio Sweden AB, Spit Milk Studios, Sports Interactive, Sumo Digital, Team 17 e Torn Banner) que se dedicaram a criação de jogos para a ação. Destes, boa parte já foram completados e outros, já estão em estágio de finalização.

Segundo a War Child, única instituição dedicada a crianças que vivem em zonas de conflito, há mais de 230 milhões de crianças nessas condições no mundo inteiro. No entanto, o valor revertido para socorro à essas crianças é considerado extremamente baixo: menos de 5% dos fundos humanitários são investidos na proteção e educação delas. Para a War Child, as crianças destas áreas necessitam de apoio amplo por serem o grupo mais vulnerável ao risco de violência, abuso e trauma, sendo separadas de suas famílias e da escola. Fornecer abrigo, comida e água não é o suficiente neste caso. Elas precisam de educação, condições de sobrevivência e proteção também.

Segundo Miles Jacobson, diretor da Sports Interactive e presidente da comissão da War Child UK para a criação de ‘Help: The Game’, o interesse da indústria de games foi surpreendente.

“Quando nós revelamos os planos para ‘Help: The Game’, estávamos apenas levemente otimistas de que a iniciativa geraria interesse entre a indústria de jogos eletrônicos. Mas o nível de entusiasmo que tivemos em retorno superou quaisquer expectativas. Tendo visto o resultado dos games que já foram finalizados até agora, fica claro que os estúdios se divertiram bastante durante o processo. E que em 26 de julho será a vez dos jogadores”.

Já para Rob Williams, CEO da War Child UK:

foi “notório que a indústria de jogos eletrônicos assumiu este projeto junto com o coração, já que, afinal, ainda que toda criança tenha o direito de se divertir, nem todas têm essa chance. Estamos muito gratos a todos que concordaram em ser parte deste projeto e esperamos que todos os esforços não apenas ajudem a levantar bastantes fundos para a iniciativa, como também aumentem o conhecimento sobre o nosso projeto entre a comunidade gamer do mundo inteiro”.

‘Help: The Game’ será publicado pela Sega Europe, com distribuição global pela Steak e reversão de toda a renda para a War Child UK. O comitê da War Child é constituído por representantes de uma grande variedade de empresas da indústria mundial de jogos eletrônicos, incluindo a Bossa Studios, Gamer Network, Sega, Sheridans, Sports Interactive, Twitch, YouTube e a War Child. ‘Help: The Game’ será lançado via Steam no dia 26 de julho com o preço sugerido de US$ 14.99. Para mais informações, visite o site oficial, clicando aqui.

Fonte: War Child UK