GOOGLE

Samsung requenta Galaxy S5 e lança nova versão

0

Lançada no Brasil como Galaxy S5 New Edition, a nova versão do aparelho da Samsung requenta o flagship de versão anterior, porém mais pobre

Não é novidade que a Samsung tem o hábito de requentar seus flagships em versões mais básicas quando eles estão prestes a sair de linha. Com a declaração de que iria “diminuir a quantidade de aparelhos” (entenda o porque de a expressão estar entre aspas clicando aqui e lendo nosso post sobre o assunto), no entanto, a expectativa era de que casos como esse parassem de acontecer mas pelo visto, não é o que ocorre. A marca lançou recentemente no país o Galaxy S5 New Edition e pode enganar primorosamente quem estiver desatento na hora da compra.

Se compararmos no papel, o novo aparelho pode fazer o consumidor mais desinformado acreditar que esta é uma versão melhorada, baseando-se em algumas informações como a quantidade de núcleos de processamento ou a câmera frontal superior.

Porém, na hora da verdade, a história muda de figura, se mostrando uma versão que não tomou Toddynho do seu irmão mais velho. O fato de termos um processador com mais núcleos não significou melhorias em desempenho mas sim regressão nítida. Para completar, o aparelho não trouxe o leitor biométrico, algo que era presente na versão principal e provavelmente deixou de existir, visando cortar custos.

O “mashup” em forma de celular trás sim algumas semelhanças importantes em comparação com o anterior como o IP67 (proteção contra água e poeira), sensor de batimentos cardiacos na parte traseira, armazenamento, memória RAM e bateria. O tamanho e o peso também são exatamente os mesmos.

Mas, será que vale realmente a pena? Inicialmente, não! A versão anterior pode ser comprada hoje por R$ 1.349,00 parcelado em 6x sem juros nessa loja, enquanto a versão nova custa R$ 1.299,00 “em promoção”. Obviamente, se o preço cair (o que deve acontecer daqui a algum tempo), ele se tornará uma boa opção mas no momento, ele é apenas uma dor de cabeça que se pode evitar.

Daniel Justino

Samsung um dia diminuirá a quantidade de aparelhos?

Previous article

Microsoft corta as asas dos usuários do OneDrive

Next article

You may also like

Comments

Deixe uma resposta

More in GOOGLE